quinta-feira, 30 de maio de 2013

Meus Brinquedos Novos e Mais Algumas Considerações Sobre a Edição Brasileira do Savage Worlds!


Fala galera!

Finalmente recebi minha tão aguardada encomenda da Retropunk e resolvi compartilhar com vocês.
Nesta encomenda eu recebi minha recompensas do Savage Worlds, bem como outros livros da comemoração de aniversário da Retropunk. Neste post, além de mostrar fotos do material, falarei brevemente de cada um dos itens.

Segue a lista dos materiais recebidos:
- 02 Escudos do Jogador de Este Corpo Mortal, que eu comprei para adicionar aos cinco que eu já tenho, só porque custou R$ 1,00;
- 07 Dados Selvagens, polêmicos;
- 02 Grids de Combate do Savage Worlds, pois pretendo plastificar um deles;
- 01 Ficha do Personagem Matriz de Savage Worlds;
- 01 Encarte com três aventuras rápidas para Savage Worlds (O Mutante, para o Compêndio de Horror; O Garoto do Papai, para Deadlands e Filhos da Selva, para Guerras Estranhas);
- 07 modelos de papel resistente para usar nos combates com miniaturas (01 modelo de cone, 01 modelo de curta, 01 modelo de explosão grande, 01 modelo de explosão médio e 03 modelos de explosão pequenos);
- 01 Marcador de Páginas de Savaqge Worlds;
- 01 Baralho de Iniciativa com 54 cartas;
- 01 Baralho de Aventura com 54 cartas + 01 carta de regras;
- 01 Carta do Card Game Terra Devastada;
- 01 Escudo do Narrador de Savage Worlds;
- 01 Livro de Regras do Savage Worlds;
- 01 Livro de Regras do Espírito do século;
- 01 Livro de Regras do Reino de Bundhamidão.

Em primeiro lugar, gostaria de pedir desculpas pela qualidade das fotos, minha câmera deu pau e eu tive que tirar as fotos do meu celular que não tem uma câmera muito lega. Mas de qualquer forma, creio que não comprometa muita as imagens.

Para começar, falarei sobre o Escudo do Narrador do Savage Worlds.
Na minha opinião, ele ficou lindo e cumpre perfeitamente a função para a qual foi criado. Suas tabelas são extremamente úteis e fáceis de consultar. Quanto às tabelas estarem nas dobras do escudo, realmente poderia ter tido uma melhor atenção para este fato, que segundo a RP se tratou de um erro de impressão da gráfica. Contudo, não deixa de ter ficado muito bem organizada e não atrapalha a consulta. A melhoria seria de cunho estético mesmo.
Eu vi uns e outros fazendo comparações do escudo com os escudos do Mundo das Trevas e D&D, que são maiores e de capa dura. Realmente, esteticamente, estes escudos são mais bonitões, pois são feitos em quatro partes, com “capa dura” e etc, porém, é importante apontar que o tamanho do escudo do SW dá ao narrador uma facilidade maior para enxergar a mesa de jogo, por ser mais baixo. Quanto ao preço, se analisar a qualidade de ambos os materiais e compará-los com a diferença de preço, muito irão dizer (com certa razão), que o escudo ficou caro. Contudo, é importante analisar a situação da Retropunk, que é ainda uma empresa pequena, engatinhando com suas publicações, mesmo que de forma muito profissional. O fato é que a editora ainda não tem recursos para uma tiragem maior, que é um dos fatores determinantes para o preço do produto.
Meu escudo veio levemente amassado, embora eu já o tenha consertado. A caixa veio um pouco pequena demais para ele, porém, não sei dizer que seria diferente se a caixa fosse maior e o material viesse “se mexendo” durante o transporte dos correios, que não são lá grandes coisas.

Os grids de combate vieram em um tamanho muito bom, grandes o suficiente para simular os combates. Ele é claro e tem uma estética bastante agradável. O único ponto negativo a se ressaltar sobre ele, é o fato dele não ter sido feito para se poder marcar com canetas para quadro branco e apagar depois. É um fato contornável, pois pode ser plastificado facilmente, porém a RP poderia ter pensado nisso antes e nos evitado este mínimo transtorno.

Os modelos de explosão foram feitos em um papel grosso de qualidade muito boa, bastante resistentes. Eu particularmente não sei se os usarei, mas de qualquer forma a qualidade do material é inegável.

As três aventuras rápidas são bem legais, rápidas, dinâmicas e diversificadas. Ideais para se narrar em eventos, ou como introdução para campanhas.
A primeira das três aventuras, “O Mutante”, para o Compêndio de Horror do SW, trata de um grupo de personagens que acordam em um misterioso hospital onde coisas macabras acontecem. Esta pequena aventura tem um toque inspirado nos contos de Lovecraft e um clima bem a lá Silent Hill. Muito interessante.
A segunda aventura, “O Garoto do Papai”, escrita para o cenário de Deadlands, apresenta um pouco do clima proposto. Curti ela também.
Por fim, a terceira aventura, “Filhos da Selva”, coloca os personagens bem no meio da guerra do Vietnã, em uma aventura inspirada no cenário Guerras Estranhas.

A Ficha de Personagem Matriz também foi muito bem feita, utilizando o mesmo papel do livro. Assim como o encarte com as aventuras rápidas.

O marcador de páginas com a arte do SW colorida na frente e pb no verso, é muito bem desenhado. É um marcador de páginas comum, como qualquer outro. Mas como eu coleciono marcadores de página, curti demais!

Baralho de Aventura

O Baralho de Aventura, dispensa comentários, qualidade incrível e arte sensacional. 55 cartas feitas com um tipo de papel resistente. Cada uma com seu texto e aplicação no jogo. Material realmente muito bem feito. A RP acertou em cheio no baralho de aventura.

Baralho de Iniciativa

O Baralho de Iniciativa segue a mesma linha de qualidade do Baralho de Aventura, tanto no material quando na arte. As cartas de baralho convencionais, totalmente estilizadas, bem no clima do SW. As Cartas A, K, Q, J, tem um desenho diferente para cada tipo e cada naipe do jogo. Mais um acerto da RP.

Esta foto mostra, para quem ainda está na dúvida, o tamanho de uma carta do SW, comparada com uma do Guerra dos Tronos Card Game e uma do jogo Vampire: The Eternal Struggle Card Game (jogo de cartas baseado no RPG Vampiro: A Máscara), que são do mesmo tamanho dos card games do Pokemon e Magic, para comparação.
As cartas do SW têm a mesma altura das citadas acima e são um pouco mais finas. Cerca de meio cm. Coloquei as cartas dentro de um Sleeve/Shield/protetor de cartas para das uma ideia melhor do tamanho.
Mesmo as cartas do SW tendo uma qualidade muito boa, é recomendável que se utilizem destes protetores para não danificar as cartas na hora de embaralhar. Eu utilizei os protetores coloridos por que são mais bonitos e mais rígidos, facilitante muito na hora de embaralhar. Você pode perfeitamente utilizar os transparentes, que são bem mais baratos, contudo, as cartas ficarão soltas dentro dele. De qualquer forma, é melhor do que danificar as cartas.
Parece que o protetor de cartas o card game do Yu Gi Oh são menores, mas eu não tive a oportunidade de experimentá-los para dizer de cabe ou não.


Esta carta do card game do Terra Devastada que eles mandaram de brinde também ficou muito foda. É um dos financiamentos que eu mais estou aguardando esse ano. Tomara que ele saia e seja financiado para podermos desfrutar de mais um ótimo jogo.

A bag para as benes ficou também muito legal, foram feitas de um material bom e tem espaço para bastante coisa, como vários dados, benes, miniaturas e etc...
Quanto as benes, que foi motivo de descontentamento de algumas pessoas que reclamaram de várias coisas, como as cores que não combinavam, o papel mal colado e etc, felizmente, tive sorte neste ponto. Acho que as minhas benes brancas foram as que ficaram mais bonitas (minha opinião).
Também não tive problemas com o adesivo ter sido mal colado ou torto e etc, mas concordo que a de alguns que eu vi ficaram bem feinhas, principalmente as vermelhas.

Os polêmicos dados.
Eles foram o maior alvo de críticas dos financiadores do projeto. Muitas pessoas caíram matando encima deles.
O material do dado é realmente muito bom. Quanto a isso, não tenho nada a reclamar. Quanto ao desenho do dirigível, realmente foi uma lástima. Mostrei a algumas pessoas que não conheciam o ícone e nenhuma enxergou um dirigível ali.
Embora isso não torne o dado impossível de ser utilizado, como alguns o taxaram, a RP mostrando se importar com a opinião do público e visando corrigir erros de primeira viagem para satisfazer os clientes, se prontificou a compensar os financiadores. Vamos aguardar para ver.


O livro da edição brasileira do Savage Worlds, é o protagonista da história. Não tenho absolutamente nenhuma crítica contra ele. Suas mais de 200 páginas totalmente coloridas divididas em oito capítulos muito bem diagramados e com uma arte interna impecável fechado eu uma capa dura simplesmente linda valeu todo o longo prazo de espera. O tamanho do livro permite uma leitura facilitada e a linguagem apresentada no livro é de muito fácil entendimento. Somente elogios para esta grande publicação. Vamos esperar que o SW conquiste de vez seu lugar no cenário de RPG brasileiro.

Outro livro que a muito tempo eu esperava uma promoção legal para adquirir, é o Espírito do Século, que eu consegui comprar com a promoção de aniversário da RP. O livro de capa dura colorida e miolo preto e branco, com mais de 360 páginas, divididas em 13 capítulos, traz ao Brasil um sistema de regras completo baseado no mundialmente conhecido e premiado Sistema Fate, além de nos apresentar um cenário pulp completo para nos jogarmos aventuras memoráveis.


Por fim, O Reino de Bundhamidão, livro de regras e cenário completo criado pelos Brazucas Matheus Funfas e André Mousinho, que satiriza rpgs de fantasia medieval com uma ótima pitada de humor negro. Eu perdi a pré venda deste jogo, mas mesmo assim sofri junto com quem esperou muito tempo para tê-lo em mãos, graças a muitos atrasos que seu lançamento sofreu.
O Livro tem mais de 260 páginas, divididas em 11 capítulos e suas páginas estão repletas de humor negro, piadas infames e trocadilhos sujos. Uma leitura muito engraçada e um jogo muito louco.
O livro apresenta um sistema de regras chamado Perfil, criado especialmente para o jogo.
Capa mole e colorida, miolo pb e muita besteira. É um livro muito divertido. Não vejo a hora de ter a oportunidade de jogá-lo.

É isso galera, espero que tenham gostado. Em breve disponibilizarei a resenha de cada um destes livros.
Aguardem muito material novo com estas minhas novas aquisições.
Um grande abraço e até a próxima!